top of page

PF prende grupo suspeito de enviar drogas ao exterior trocando bagagens em aeroportos

Agentes prenderam seis investigados que trabalham no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Goianas disseram à PF que desconhecem as malas com drogas.



G1-Goiás

Malas em esteira de aeroporto. — Foto: Reprodução/TV Globo



A Polícia Federal (PF) realizou operação nesta terça-feira (4) para prender um grupo suspeito de enviar drogas ao exterior trocando bagagens. A investigação começou com duas goianas que embarcaram no Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia, e foram presas na Alemanha ao terem as malas trocadas no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo.


Segundo a operação, policiais federais prenderam seis investigados que trabalham de forma terceirizada para companhias aéreas no Aeroporto de Guarulhos.


Os nomes dos presos não foram divulgados pela polícia, com isso, a reportagem não localizou a defesa para se manifestar sobre a operação até a última atualização dessa reportagem.


A Polícia Federal informou em nota que as goianas disseram desconhecer as malas com drogas que pegaram e que há até indícios de que as bagagens não eram delas, mas que mesmo assim as duas continuam presas.


"Em favor das brasileiras presas há uma série de evidências que levam a crer, de fato, que não há envolvimento delas com o transporte da droga, pois não correspondem ao padrão usual das chamadas 'mulas do tráfico'”, destacou a polícia.


Durante a investigação, foi identificado um grupo que enviou 40 quilos de cocaína para a Alemanha. Eles trocavam as bagagens de passageiros sem envolvimento algum com o crime por malas lotadas de drogas.

18 visualizações0 comentário
bottom of page