top of page

Bolsonaro chega para ato em Avenida Paulista lotada de apoiadores

Concentração de público para ato convocado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro para este domingo (25/2) começou ainda pela manhã



Metrópoles



O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) chegou por volta de 14h40 à Avenida Paulista, em São Paulo (SP), para participar de um ato convocado por seus apoiadores, especialmente pelo pastor Silas Malafaia, o principal organizador do evento.


Bolsonaro deve ser o último a discursar no evento deste domingo (25/2), marcado para ter início às 15h, com uma oração proferida pela ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro. Em seguida, discursarão os deputados federais Gustavo Gayer (PL-GO) e Nikolas Ferreira (PL-MG), e os senadores Rogério Marinho (PL-RN) e Magno Malta (PL-ES).


Se quiserem, os governadores Tarcísio de Freitas (SP), Ronaldo Caiado (GO) e Jorginho Mello (SC) serão liberados para discursar. O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo) também confirmou presença no evento. Por fim, Malafaia e Bolsonaro encerram o ato.


Dois trios elétricos — o Demolidor e o Katrina — estão posicionados em formato de “L” na esquina da Avenida Paulista com a Rua Peixoto Gomide, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp). Um dos trios pode receber, no máximo, 70 pessoas, incluindo Bolsonaro, Malafaia e políticos aliados, como o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos); o outro trio tem capacidade de abrigar até 100 pessoas.


A Polícia Militar não divulga estimativa de público, mas a expectativa dos organizadores é da presença de cerca de 500 mil pessoas. Imagens da área mostram a via lotada de pessoas vestidas com roupas nas cores verde-amarelas e com bandeiras do Brasil ou até de Israel.




11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page