top of page

Vasco é condenado e vai precisar pagar dívida milionária com Ramon

Jogador teve duas passagens por São Januário, e foi campeão nacional pelo clube


R7



O ex-jogador do Vasco, Ramon, entrou na Justiça em dezembro do ano passado cobrando R$ 3.443.335,94 do Cruzmaltino. Porém nem todos os pedidos do jogador foram atendidos, e a condenação ficou estabelecida em cerca de R$ 2,1 milhões.


A decisão aconteceu nesta sexta-feira (5), e foi dada pela juíza Mônica de Amorim Torres Brandão, da 35ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro do Tribunal Regional do Trabalho da Primeira Região (TRT-1). O Vasco ainda pode entrar com recurso.


O lateral pediu à juíza salários atrasados de outubro, novembro e dezembro de 2020, o décimo terceiro de 2020, férias do período aquisitivo de 2020, FGTS e indenizações previstas nos artigos 467 e 477 da CLT. As informações são do site Esporte News Mundo.


Ramon fez história com a camisa do Cruzmaltino. Foi campeão da Copa do Brasil, sendo peça importante daquele elenco. Além disso, voltou em 2017 e ajudou o time a se classificar para a Copa Libertadores. Entretanto, sofreu uma grave lesão no joelho no mesmo ano, e não voltou a desempenhar bem.



9 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page