top of page

TRE-GO cassa prefeito de Bom Jardim de Goiás

MP denunciou prática de captação ilícita de voto e abuso de poder econômico


Mais Goiás

(Foto: Reprodução)


O Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) cassou o prefeito de Bom Jardim de Goiás, Odair Sivirino Leonel, e seu vice, Manoel Oliveira Souza, e pediu a realização de novas eleição. Além disso, determinou ao presidente da Câmara de Bom Jardim, Willian Gregório, assumir o cargo interinamente.


A Justiça acatou recurso do Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral) e também tornou Odair inelegível por seis anos. Segundo o MP, houve a prática de captação ilícita de sufrágio (voto) e abuso de poder econômico por parte da chapa. A promotora eleitoral Ana Carla Dias Lucas Mascarenhas apresentou fotos, vídeos, áudios e testemunhas.


Desde dezembro de 2021, o Juízo da 35ª Zona Eleitoral de Aragarças já havia cassado os diplomas dos dois e os condendou ao pagamento de multas, mas houve recurso.


Consta nos autos que foram distribuídos alimentos adquiridos com recursos públicos, em virtude de programa social, em veículo com adesivo de campanha do então candidato à reeleição, acompanhado pela sua esposa e integrante da equipe de campanha do candidato.


A sentença no TRE-GO que julgou o recurso manteve a decisão do primeiro grau. O entendimento é da última segunda-feira (25).

10 visualizações0 comentário
bottom of page