top of page

Suspeito de estupro, assassinato e roubo a banco morre após confronto policial em Inhumas (GO)

Segundo a PM, ele teria assassinado um vigilante no local em que trabalhava com um tiro na cabeça


Mais Goiás

Armas apreendidas pela PM (Foto: PM - Divulgação)


Um homem, de 56 anos, suspeito de cometer estupro, assalto a banco e assassinato, na região metropolitana de Goiânia, morreu após confronto policial, na noite de terça-feira (14).

De acordo com a Polícia Militar (PM), a equipe avistou dois homens em um veículo, em Inhumas, com as mesmas características do autor, que já estava sendo procurado em razão dos crimes cometidos na Grande Goiânia.


A equipe policial do Comando de Operações de Divisas (COD) iniciou a abordagem, mas a ordem de parada não foi obedecida pela dupla. Segundo o relato da PM, em dado momento, o criminoso desceu do veículo, junto com o comparsa, e disparou contra os policiais. No revide, o homem suspeito de estupro foi atingido.


A equipe policial acionou o socorro médico, que constatou a morte do homem. O Instituto Médico Legal (IML) também esteve no local.


O comparsa conseguiu fugir por um matagal na região. Ele deixou a arma usada no tiroteio, que foi apreendida pelos policiais. No veículo dos suspeitos, a PM encontrou uma porção de cocaína e balança de precisão. A outra arma também foi apreendida.

Crimes

Segundo a PM, o homem que morreu durante o confronto teria assassinado um vigilante com um tiro na cabeça, no local em que trabalhava, após a vítima descobrir que a sobrinha fora estuprada pelo autor. Além disso, o criminoso também seria o responsável por um roubo a banco com refém.

67 visualizações0 comentário

留言


bottom of page