top of page

Sobe para oito o número de mortos em tempestade no Rio Grande do Sul

De acordo com a Defesa Civil, 21 pessoas estão desaparecidas; Há previsão de mais chuva nos próximos dias


G1

Trecho bloqueado da BR-290 em Eldorado do Sul — Foto: Reprodução/RBS TV



O temporal que atinge o Rio Grande do Sul deixou 10 mortos e 21 desaparecidos desde segunda-feira (29). Segundo a Defesa Civil, 104 municípios foram afetados pelos impactos da chuva.


O fenômeno destruiu casas e pontes, derrubou árvores e encostas, além de ter deixado pessoas e animais ilhados.


Na noite desta terça-feira (30), o governo federal enviou dois helicópteros da Força Aérea Brasileira (FAB) para sobrevoar a região de Santa Cruz do Sul, Sinimbu e Candelária em busca de pessoas ilhadas.


Uma mulher foi arrastada pela correnteza de um rio em Candelária. A moradora foi encontrada pelos Bombeiros e passa bem.


A cheia do Rio Pardo fez com que a água invadisse uma estrada da cidade.


Alagamentos e boi submerso no Vale do Taquari


Na região de Teutônia, no Vale do Taquari, a água avançou sobre estradas e deixou um animal submerso.


Estrada é bloqueada após pista ceder


A BR-290, principal ligação da Região Metropolitana à Fronteira Oeste, está bloqueada após a pista ceder em Eldorado do Sul.






19 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page