top of page

São Paulo adota postura cautelosa e vê Lucas Moura com mercado na Europa

Globo Esporte


A possibilidade de o São Paulo contar com o retorno de Lucas Moura ainda se encontra no campo do sonho. Depois de o Tottenham decidir pela saída do meia-atacante em junho, data do fim do contrato, o clube sustenta uma postura cautelosa em relação ao jogador de 30 anos revelado em Cotia. A Europa surge como obstáculo.

Dentro do São Paulo há a crença de que Lucas Moura ainda conta com bom trânsito no mercado europeu, o que irá gerar duras concorrências em uma possível negociação, especialmente na parte financeira.

O estafe do atleta tem recebido sondagens de clubes do continente e vê com dificuldade o retorno ao Brasil neste momento. O meia-atacante, que pode assinar pré-contrato, já manifestou publicamente o desejo de um dia voltar ao São Paulo.

Diante deste contexto, o São Paulo vai aguardar as movimentações do atleta para definir qual postura adotar. Há um plano de Lucas começar a definir o futuro somente depois do fim da atual janela de transferências na Europa - o mercado de inverno fecha no fim de janeiro.

Enquanto isso, o clube entende que será a primeira opção a ser procurada por Lucas Moura, caso o meia-atacante decida voltar ao futebol brasileiro.

Financeiramente, contudo, o São Paulo vê o meia em um patamar inalcançável no momento. O clube passa por um processo de reestruturação depois de alcançar a casa dos R$ 700 milhões em dívida.

Diante de todo este contexto, o Tricolor trata toda a situação de Lucas Moura com cautela, apesar da relação próxima firmada entre o atleta e os atuais diretores.

Nas férias do ano passado, por exemplo, Lucas Moura visitou o CT de Cotia e palestrou para os jovens das categorias de base do São Paulo. O meia-atacante ainda viu o confronto diante do Ceará no Morumbi e se reuniu com o presidente Julio Casares.

Lucas Moura defende o Tottenham desde 2018 e tem sofrido com problemas físicos na atual temporada. O meia-atacante jogou nove vezes e não entra em campo pela equipe de Londres desde novembro, quando entrou nos últimos minutos da derrota para o Liverpool.

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page