top of page

Rodrygo desabafa: "Tentaram tirar o amor que eu sinto pelo Real Madrid"

Atacante brasileiro comemora título da Champions no Real Madrid e mostra irritação por repercussão de entrevista na qual não garantia permanência no clube


GE

Rodrygo Champions League taça Real Madrid Borussia Dortmund — Foto: Hannah Mckay/Reuters



Rodrygo comemorou o título da Champions League, mas aproveitou para desabafar. Após a vitória do Real Madrid por 2 a 0 contra o Borussia Dortmund, o atacante não perdeu a chance de comentar sobre a repercussão de sua entrevista durante a semana. Ele mostrou irritação.


– Uma coisa é ser mal compreendido e outra coisa é quando trocam o que você falou. Acho que o vídeo foi muito para aproveitar o momento, aproveitaram que era uma final de Champions, talvez queriam ter algum assunto, a entrevista está toda cortada, não tem o final. Eu não tenho como saber (se vai ficar para sempre no Real Madrid) – disse Rodrygo, em entrevista ao canal TNT Sports.


Na semana prévia à decisão, Rodrygo deu entrevista à DAZN, da Espanha, e disse que não sabia se ficaria no clube para sempre. A declaração repercutiu como se o brasileiro abrisse uma possibilidade de saída. O atacante, que tem contrato até 2028 com o Real Madrid, negou que pense em deixar o time.


– Eu tenho contrato e os anos que eu já estive aqui foi tudo um sonho pra mim, mas até o meu contrato (terminar) tenha a certeza de que eu vou ficar aqui. Passando disso, só se eu renovar – afirmou.


Diante da ampla repercussão, Rodrygo foi às redes sociais e reiterou que não pensa em deixar o Real Madrid. Após o título da Champions, ele reforçou seu sentimento.


Rodrygo ainda atacou a repercussão negativa na imprensa espanhola e brasileira de suas declarações.


– Talvez eu também poderia não ter dado brecha, às vezes a gente imagina que as pessoas não vão ter a maldade que a gente normalmente não tem. Tentaram ter essa maldade comigo, mas acho que está tudo em paz já. Logo me pronunciei também, já expliquei o que eu realmente quis dizer. Amo muito o Madrid, amo muito esse clube e quero ficar para sempre aqui.


Rodrygo, Vini Jr. e Militão entraram para o grupo de brasileiros bicampeões da Champions. O ex-Santos terminou a temporada com 17 gols em 51 jogos pelo Real Madrid, cinco no torneio continental.

6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page