top of page

Rodoviárias de 44 municípios de Goiás serão reformadas

Ainda não tem previsão para início das reformas


Mais Goiás

Levantamento apontou necessidade de melhorias nas rodoviárias de Goiás (Foto: Divulgação/AGR)


A Secretaria-Geral de Governo (SGG) autorizou a reforma de 44 rodoviárias estaduais em municípios de Goiás. Segundo o órgão, está sendo elaborado um projeto para verificar os principais pontos que precisam de melhorias. Ainda não há previsão para o início das reformas.


A autorização ocorreu por meio da Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR) e da Goiás Parcerias.


Wagner Oliveira Gomes, presidente da AGR, apontou que a agência realizou um levantamento a respeito das condições dos terminais rodoviários e da gestão que era feita em cada um deles, constatando a necessidade de melhorias das estruturas.


O Governo de Goiás explicou que as empresas têm até 90 dias para apresentar a conclusão do projeto. O planejamento precisa incluir abordagens técnica, operacional, econômico-financeira, jurídico institucional e plano de negócio.


Confira as rodoviárias que devem ser reformadas:

  • Bloco 1 (Entorno do DF): Abadiânia, Alexânia, Corumbá de Goiás e Pirenópolis;

  • Bloco 2 (Sudoeste Goiano): Silvânia, Vianópolis, Pires do Rio Ipameri e Ouvidor;

  • Bloco 3 (Sul Goiano e Região Metropolitana): Aparecida de Goiânia, Piracanjuba, Pontalina, Morrinhos e subterminal, Água Limpa, Buriti Alegre e Corumbaíba;

  • Bloco 4 (Oeste Goiano): Britânia, Paraúna, Aragarças, Caiapônia e Sanclerlândia;

  • Bloco 5 (Noroeste Goiano): Itaberaí, Goiás, São Miguel do Araguaia e Itapuranga;

  • Bloco 6 (Centro Goiano): Barro Alto, Jaraguá, Goianésia, Rubiataba, Itapaci, Uruaçu e Niquelândia;

  • Bloco 7 (Nordeste Goiano): São João D’Aliança, Campos Belos de Goiás, Iaciara, Posse, São Domingos, Alto Paraíso de Goiás, Alvorada do Norte e Cabeceiras;

  • Bloco 8 (Sudoeste Goiano): Itajá, Quirinópolis e Serranópolis.

10 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page