top of page

Por desejo de se aposentar no Flamengo, Bruno Henrique bate pé para ter três anos de contrato

Atacante aceita negociar salário na renovação, mas não abre mão do tempo de duração; apesar do impasse, diretoria acredita que acerto sairá em breve


Globo Esporte

Bruno Henrique e Tite na academia do Flamengo — Foto: Marcelo Cortes / CRF


Com Tite apresentado e ambientado, o Flamengo está focado em resolver a renovação de Bruno Henrique. A negociação se arrasta há meses e as partes ainda não conseguiram entrar em acordo. O tempo de contrato é o principal empecilho.


O salário, que foi um impasse em boa parte da negociação, já é um assunto superado, e o atacante aceita negociar o valor pedido inicialmente. Prestes a completar 33 anos, Bruno Henrique não abre mão de três anos de contrato por entender que é o último contrato da carreira e pelo desejo de se aposentar no clube.


Quando as conversas iniciaram, o Flamengo tinha a intenção de renovar apenas por um ano, o que foi rapidamente descartado por Bruno Henrique. Logo nas primeiras conversas, o atacante manifestou o interesse de assinar por mais três anos.


O Rubro-Negro ofereceu mais duas temporadas entendendo como um meio-termo entre as partes, mas Bruno Henrique não aceitou e reforçou o pedido para ficar no clube até o fim 2026. Sem acordo em relação ao tempo, as conversas entre o departamento de futebol do Flamengo e o empresário do jogador estão travadas.


O atacante entende que pela idade e pelo status que alcançou no Flamengo merece mais. Financeiramente, o staff de Bruno Henrique acredita que se o clube for ao mercado para repor gastaria a mesma coisa ou até mais.


Os contatos têm sido diários para que a resolução aconteça nas próximas semanas. O Flamengo acredita em um desfecho positivo principalmente pela relação criada com o jogador desde 2019, quando chegou ao clube. O Rubro-Negro entende que continuidade é o melhor para as duas partes.


Enquanto isso, a diretoria rubro-negra observa de longe o interesse do Palmeiras. O clube paulista já sinalizou aos empresários de Bruno um contrato de três anos de duração, prazo que o jogador não abre mão na negociação com o Flamengo. As condições financeiras são consideradas equivalentes, incluindo salários e luvas.

2 visualizações0 comentário
bottom of page