top of page

Policial militar da reserva é preso por atirar em mulher durante briga de trânsito em Anápolis

A confusão teria começado após o marido da vítima 'fechar' o carro de Almir Lelis Ferreira, de 64 anos, segundo a polícia. Policial, que estava embriagado, atirou contra a mulher durante uma luta corporal com o marido dela.


G1-Goiás

Policial militar parado ao lado de ambulância — Foto: Reprodução/Redes sociais


Um policial militar da reserva, de 64 anos, foi preso suspeito de atirar contra uma mulher, de 37 anos, durante uma briga de trânsito na madrugada deste sábado (25), em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Segundo a Polícia Civil (PC), o crime ocorreu após o marido da vítima, de 34 anos, “fechar” o carro de Almir Lelis Ferreira, no bairro Vila João Luiz de Oliveira.


Depois de ter o veículo “fechado”, o militar teria sido removido à força de dentro do veículo pelo marido da vítima. Almir, inclusive, apresentava ferimentos no braço, que segundo afirmou à corporação, foram provocados enquanto ele era retirado do carro. Os dois condutores estavam embriagados no momento do crime.


A PC explicou que depois de trocarem xingamentos, os dois homens começaram uma luta corporal, momento em que o militar efetuou três disparos de arma de fogo, sendo que um acertou a perna da mulher. Almir alegou autodefesa.


Durante a briga, o marido da vítima conseguiu retirar a arma do policial, mas a luta continuou até a chegada da Polícia Militar (PM), que foi acionada por um entregador que presenciou a cena, de acordo com a corporação.


A mulher, que estava caída no chão, foi resgatada e encaminhada ao Hospital Estadual de Urgências de Anápolis Dr. Henrique Santillo (Heana) pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.


Almir, por outro lado, foi autuado por tentativa de homicídio e embriaguez ao volante, de acordo com a nota enviada pela Polícia Militar (PM). A corporação informou que o policial foi encaminhado ao presídio militar e que o caso está sendo acompanhado de perto pelo Comando da Instituição.

43 visualizações0 comentário
bottom of page