top of page

Polícia Civil de Goiás prende mestre de obras acusado de latrocínio em Catalão

Após investigação, suspeito foi localizado na cidade satélite de Santa Luzia, no Distrito Federal



Olha Goiás



A Polícia Civil de Goiás (PCGO), por meio da equipe do Grupo Especial de Investigação Criminal de Catalão – 9ª DRP, em ação conjunta com a Polícia Militar de Goiás, efetuou, nesta sexta-feira (12), a prisão preventiva de um indivíduo de 50 anos, mestre de obras, acusado de latrocínio.


O crime, que vitimou um pedreiro na noite do dia 31 de dezembro, ocorreu na residência da vítima em Catalão, sendo o corpo descoberto somente em 4 de janeiro de 2024.


De acordo com as informações apuradas, o suspeito, se aproveitando da amizade com a vítima, foi à residência e, após consumirem bebidas alcoólicas, houve um desentendimento que resultou no assassinato do amigo.


O agressor utilizou ferramentas de trabalho para desferir os golpes fatais. Posteriormente, subtraiu uma motoneta 50cc pertencente à vítima, evadindo-se da região.


Após um levantamento de provas que confirmaram a autoria do crime, a PCGO solicitou a prisão preventiva do investigado ao Poder Judiciário local.


Com a medida deferida, as forças de segurança realizaram uma operação intensiva, culminando na localização e prisão do acusado na cidade satélite de Santa Luzia, no Distrito Federal.

20 visualizações0 comentário

留言


bottom of page