top of page

Palmeiras vira outra final, bate o Santos e conquista o Paulistão

Globo Esporte


Abel Ferreira festeja tricampeonato paulista pelo Palmeiras (Foto: Marcos Ribolli)


O roteiro se repetiu pelo terceiro ano seguido no Paulistão. No Allianz Parque lotado, o Palmeiras bateu o Santos por 2 a 0, virou o placar agregado – tinha perdido na ida por 1 a 0 – e foi campeão paulista, um tricampeonato que o clube não conquistava desde 1934. Tinha sido assim também no ano passado, contra o Água Santa, e no anterior, contra o São Paulo.

Raphael Veiga, de pênalti no primeiro tempo, e Aníbal Moreno, na etapa final, marcaram os gols do Verdão.

Foi o décimo título do técnico Abel Ferreira no clube, que iguala Oswaldo Brandão, os técnicos mais vencedores da história do clube, e o quinto do garoto Endrick, protagonista na decisão e que está em contagem regressiva para sua despedida do Palmeiras – ele se muda para o Real Madrid no meio do ano.

Após a final do Paulista, o Palmeiras joga primeiro: na quinta, às 21h, recebe o Liverpool-URU, em casa, pela segunda rodada da Conmebol Libertadores. O Santos só volta a campo no fim de semana do dia 20, na estreia da Série B, como mandante contra o Paysandu – a tabela ainda não foi detalhada.

177 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page