top of page

Novo ensino médio: consulta pública começa na próxima 2ª, confirma MEC

Pesquisa quantitativa para ouvir 100 mil estudantes sobre o novo ensino médio por WhatsApp está prevista para começar em 8 de maio


Metrópoles

Foto - Todos pela Educação/Divulgação


A consulta pública sobre o novo ensino médio terá início na próxima segunda-feira (24/4). A informação foi confirmada pela secretária-executiva do Ministério da Educação (MEC), Izolda Cela.


A jornalistas, a número 2 do MEC confirmou a realização de uma pesquisa quantitativa direcionada a cerca de 100 mil membros da comunidade escolar, que responderão os formulários por WhatsApp. Essa consulta online está prevista para começar no dia 8 de maio.


Izolda participou, ao lado da secretária de Educação Básica Kátia Schweickardt, de painel no Encontro Anual Educação Já 2023, promovido pelo Todos pela Educação, em Brasília (DF). Na próxima segunda-feira, também está prevista a divulgação do cronograma completo da consulta pública, que envolverá processos como audiências nos estados, realização de pesquisas e um circuito com especialistas em educação.


A discussão do novo ensino médio será feita de forma descentralizada, com audiências em todas as regiões do país. “Essas escutas vão ser semiestruturadas, exatamente para o que a gente deve tentar evitar, a polarização, aquela discussão meio plebiscitária, ‘é isso ou é isso’, isso não vai nos ajudar. O que nós queremos é extrair qualidade, preposição, situações reais que nos direcionem para medidas em relação com a implementação, com o ritmo de implantação, alguma alteração inclusive no desenho do currículo”, explicou Izolda.


A entrega do resultado das pesquisas está prevista, de acordo com a secretária-executiva, para o fim de julho ou início de agosto. Dessa forma, seria necessário prorrogar a consulta pública, que tem duração prevista de 90 dias. “Eu não vejo muito problema em prorrogar se as coisas estiverem acontecendo”, ressaltou.


A implementação da reforma do ensino médio foi suspensa no início de abril. Por meio de portaria, o MEC sustou também a adaptação ao novo currículo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para 2024.

11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page