top of page

Na Serrinha, Goiás fica duas vezes atrás do marcador, mas busca empate contra o Fluminense no final

O Goiás segue na zona de rebaixamento, em 17º colocado, com 8 pontos


Mais Goiás

Confronto entre Goiás e Fluminense. Foto: Rosiron Rodrigues - Goiás


O Goiás recebeu o Fluminense no estádio da Serrinha, neste domingo (11), em busca de se recuperar no Brasileirão Série A e tentar deixar a zona de rebaixamento. Contra o tricolor, o esmeraldino saiu atrás do placar duas vezes, mas na base da pressão, o alviverde buscou o empate e o jogo terminou 2 a 2.


Com o empate, o Goiás segue dentro da Zona de Rebaixamento da Série A. Com 8 pontos, o esmeraldino é o 17º, já o Fluminense está em 5º na tabela, com 17 pontos. O alviverde agora terá 11 dias até o próximo desafio, dia 22, contra o Vasco, fora de casa. O tricolor joga no Maracanã, contra o Atlético-MG, no dia 21.


Pressionado e precisando vencer para deixar a zona de rebaixamento, o Goiás recebeu o Fluminense na Serrinha na última partida de Emerson Ávila no comando da equipe, já que o clube será comandado agora pelo português, Armando Evangelista. Sob os olhares do novo treinador, o time já viu os cariocas abrirem o marcador ainda no primeiro minuto. Lelê cruzou da direita e Cano, de carrinho, completou para o fundo das redes.

Na frente do placar e com um time técnico, o Fluminense dominou a posse de bola e criou duas boas chances com Lelê, de cabeça, mas o atacante desperdiçou. O Goiás tentou adiantar a marcação e começou a finalizar mais, porém sem grande perigo. Já na reta final, o esmeraldino conseguiu o empate.


Aos 45 minutos, Morelli finalizou, Fábio fez boa defesa e deu rebote, na sequência, Pirani derrubou Apodi na área. Pênalti para o esmeraldino. Na cobrança, Matheus Peixoto bateu forte para empatar o confronto.

No segundo tempo, o Fluminense repetiu a fórmula do primeiro gol. Logo no primeiro minuto, Lima recebeu na esquerda, cortou o marcador e bateu forte de fora da área no ângulo para colocar o tricolor na frente novamente. Apesar do gol novamente cedo, o Goiás não baixou a cabeça e conseguiu criar boas oportunidades.


Palacios foi lançado na esquerda, saiu na cara do gol, tentou limpar o marcador e caiu, mas a arbitragem mandou seguir. Matheus Peixoto aproveitou cruzamento de Sander, mas Fábio fez grande defesa. O Fluminense também mostrou sua força ofensiva, Guga arriscou de fora, Tadeu fez grande defesa e a bola ainda explodiu na trave.


O esmeraldino seguiu com maior intensidade ofensiva e na busca pelo empate. Em boa trama ofensiva, Morelli cruzou para Guilherme, que de carrinho não conseguiu tirar de Fábio. A pressão do alviverde deu certo e aos 40 minuto, o pequenino Alesson subiu livre e de cabeça decretou o empate no duelo.

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Fórmula 1 divulga calendário de 2025 com 24 corridas

A modalidade manteve o mesmo número de corridas de 2024 para o calendário do ano que vem. Veja a partir de quando a temporada começa Metrópoles A Fórmula 1 confirmou o calendário de 2025 com 24 etapas

Comments


bottom of page