top of page

Mulher é presa suspeita de enforcar e matar filhote de cachorro após se irritar com latidos

Segundo a polícia, a investigada usou um fio para cometer o crime, em Goiânia. Conforme a investigação, dona de casa disse que não conseguiu dormir em razão dos latidos do filhote.



G1-Goiás

Mulher foi presa em flagrante pela Polícia Civil de Goiás por suspeita de matar filhote de cachorro em Goiânia — Foto: Divulgação/Polícia Civil




Uma dona de casa de 58 anos foi presa em flagrante pela Polícia Civil de Goiás por suspeita de matar um filhote de cachorro no bairro Jardim Mont Serrat, em Goiânia. A investigação aponta que a mulher enforcou o animal com um fio por não suportar os barulhos de latido do animal e a sujeira gerada por ele.


A prisão aconteceu na terça-feira (30). O nome da mulher não foi divulgado pela polícia.


Segundo a Polícia Civil, o filhote estava sob tutela da mulher. Após a morte do cachorrinho, a suspeita teria colocado o corpo dentro de uma sacola e jogado no cesto de lixo da residência.


Ao ser interrogada, a mulher confessou a prática de maus-tratos ao animal e alegou sofrer com problemas psicológicos, de acordo com a polícia. A suspeita afirmou ainda que, na noite anterior, não conseguiu dormir em razão dos latidos do filhote.


A delegada Luiza Veneranda, responsável pelo caso, informou que, pelo crime de maus-tratos, a mulher pode receber pena de detenção de até 5 anos, podendo ser aumentada em razão da morte do animal.


A delegada informou ainda que a suspeita apresentou documentos que atestam "problemas de ordem psicológica".

73 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page