top of page

Luan retoma rotina de treinos após deslizes no Corinthians

Globo Esporte


Não está descartada a possibilidade de Luan voltar a treinar com o elenco do Corinthians. O jogador e seu estafe não têm a intenção de rescindir o contrato com o clube, nem mesmo se fosse pelo valor total do vínculo até dezembro ou algo perto disso (possibilidade que já era remota).

Pelo contrário: agora, as partes querem o retorno e a volta por cima. O jogador não foi integrado ao grupo na pré-temporada, após voltar de empréstimo ao Santos. Atualmente, por exemplo, ele seria uma opção natural a Renato Augusto, que está lesionado.

A diretoria do Timão já não se opõe à possibilidade de volta do meia. Fontes ligadas à cúpula de futebol do Parque São Jorge, em contatos com o ge, foram unânimes: está nas mãos de Luan manter sua nova versão "na linha" para, em algumas semanas, quem sabe, voltar a trabalhar com o grupo.

Em um passado não tão distante, Luan, segundo relatos, chegou a cometer deslizes e "dar algumas mancadas", incluindo faltas a atividades programadas no CT, mas, recentemente, tem se mostrado bastante focado para tentar dar a volta por cima no mesmo clube. O retorno do meia Lucas Lima ao Santos, após passagem pelo Palmeiras, é inspiração.

A volta de Lucas Lima ao Peixe era vista como improvável, com bastante rejeição da torcida, mas foi bancada pelo presidente do clube e, hoje, o jogador é um dos principais nomes do time titular. Os dois atletas são amigos, e a "volta por cima" de Lucas foi citada à reportagem pelo estafe de Luan.


Rotina


O ex-camisa 7 do Timão (o número agora pertence a Maycon), segue uma rotina de certa forma até flexível no CT Joaquim Grava: ele se apresenta todos os dias em algum dos períodos (tarde ou manhã), que, por vezes, coincidem com o treino do grupo, e faz atividades físicas com e sem bola.

Luan está sempre acompanhando por um profissional do clube, normalmente da fisioterapia, durante os trabalhos. Na última quarta-feira, por exemplo, enquanto o elenco usava três dos quatro campos para o treino com Fernando Lázaro e auxiliares, Luan trabalhou sozinho em outro.

Para se respaldar juridicamente, o Corinthians colocou toda sua estrutura à disposição de Luan. O meia não foi privado de usar nenhum dos espaços que usava quando estava integrado ao elenco principal. Assim, a situação é vista como uma questão mais de motivação do que outra coisa.

No ano passado, ainda segundo relatos, Luan fez treinos ruins, abaixo fisicamente e bem desmotivado. Houve até mesmo receio de que o rendimento baixo estivesse prejudicando o andamento de algumas atividades do ex-técnico Vítor Pereira.

A expectativa depois da "geladeira" é que Luan tenha "entendido o recado" e se mantenha motivado para voltar a poder brigar por chance, e não passar o ano todo encostado no clube.


Sem propostas


Durante esse período em que está na "geladeira" no Corinthians, Luan recebeu até algumas consultas, mas o alto valor de seu salário freou negociações, e não houve propostas. O retrospecto recente também não ajuda.

Além de estar em baixa no Corinthians, também não empolgou em período de empréstimo ao Santos no ano passado. Cenário ruim que praticamente impossibilitou uma saída. Tanto o atleta quanto o clube sabem que a solução "menos pior" é que ele volte a brigar por chance.


E o técnico?


Fernando Lázaro não tem problemas de relacionamento com Luan e acompanhou a trajetória do meia no Corinthians até aqui. Ainda não foi discutida com ele, porém, uma eventual utilização de Luan na sequência da temporada. A situação é tratada no passo a passo.

Primeiro, Luan teria de voltar a conseguir trabalhar com o grupo, sendo, enfim, reintegrado. Para só então ficar a cargo do treinador uma possível escalação do jogador.

9 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page