top of page

Mbappé recusa proposta do Al-Hilal

Globo Esporte


Mbappé não vai jogar na Arábia Saudita. Ao menos é o que indicam o jornal L’Equipe e o jornalista especializado em mercado do futebol, Fabrizio Romano. O atacante do PSG recusou a proposta do Al-Hilal e sequer abriu conversas para negociar com o clube. Os sauditas ofereciam, entre salários e ganhos comerciais, € 700 milhões (R$ 3,6 bilhões) ao francês por um ano de contrato.

A proposta do Al-Hilal surgiu no último sábado, um dia após o PSG deixar Mbappé fora da viagem de pré-temporada ao Japão. O clube de Jorge Jesus ofereceu ao Paris € 300 milhões (R$ 1,5 bilhão) pela transferência.

O time francês estava disposto a aceitar negociar o camisa 7, que tem contrato até junho de 2024 com a equipe. Se fechado, o acordo teria um valor recorde e superaria a ida de Neymar do Barcelona ao PSG em 2017, por € 222 milhões à época.

No entanto, desde sábado a imprensa europeia indica que Mbappé não cogitava deixar o futebol europeu. Nesta quarta, representantes do Al-Hilal foram a Paris para tentar convencer o atacante. Sem sucesso.

Segundo o jornalista Fabrizio Romano, o PSG acredita que Mbappé tenha um acordo para se transferir sem custos ao Real Madrid em julho de 2024. O time francês quer evitar perdê-lo de graça e deu duas opções ao atleta: assinar uma renovação ou ser negociado agora, com uma compensação ao Paris.

A novela deve se estender até o fim da janela de transferências, no dia 1º de setembro. Mbappé treina no CT do PSG, ao lado de outros jogadores que estão fora dos planos do clube.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page