top of page

Mãe se surpreende ao descobrir gravidez de quadrigêmeos durante ultrassom

Kassia Cristina Freitas é mãe de Davi, de 4 anos, e está à espera de Aurora, Lívia Luísa, Ulisses e Ícaro. Gestação chocou também a família


G1-Goiás

Kassia Cristina Freitas é mãe de Davi, de 4 anos e espera quadrigêmeos em Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera


A magia de uma gestação gemelar chegou em dobro para a gerente de Marketing Kassia Cristina Freitas, de 39 anos. Ela, que mora em Goiânia e já é mãe de Davi, de 4 anos, está à espera de quadrigêmeos. A mulher contou que descobriu a gestação gemelar durante o ultrassom e detalhou também as expectativas para a chegada dos pequenos.

"Foi um susto. O médico perguntou: 'Você vê aqui quantos bebês'?. Eu disse que vi quatro pontinhos e ele disse: 'É isso, você está grávida de quadrigêmeos'", disse.


Kassia detalhou que a descoberta da gravidez gemelar trouxe surpresa desde o começo. Conforme mostrou a TV Anhanguera, o caso de Kassia é considerado raro, sendo um caso a cada 70 milhões de gestações espontâneas.

O ultrassom

Ao chegar para fazer a ultrassom, em junho deste ano, mês em que descobriu a gravidez, Kassia lembra que o médico perguntou se ela já sabia que era mais de um bebê, o que a deixou muito emocionada.


“Eu comecei a chorar muito e ele disse que ia continuar me avaliando. Logo depois, ele perguntou quantos bebês eu enxergava e eu falei que via quatro pontinhos. Então ele confirmou, dizendo que era exatamente isso, eu estava grávida de quadrigêmeos”, contou.


Os bebês, duas meninas idênticas e dois meninos idênticos, já têm os nomes escolhidos: Aurora, Lívia Luísa, Ulisses e Ícaro. Kassia destaca que os quatro estão bem, e que ela está fazendo exames toda a semana, para poder acompanhar os bebês.


Expectativa

Kassia conta que toda a família ficou assustada ao saber da notícia, mas que após o susto, todo mundo ficou muito feliz e já na espera da chegada dos 4 bebês. Já ela, fala sobre o sentimento de preocupação que a acompanha.


“Não tem como não ter medo, mas somos bem religiosos e confiamos em Deus. Estou fazendo tudo o que posso, com repouso e cuidando da alimentação. Espero que os 4 cheguem bem e com saúde”, destacou.


Nas redes sociais, Kassia criou um perfil onde compartilha a rotina e a espera pelos quadrigêmeos. Ela também conta com a ajuda de quem quiser doar fraldas e roupas.





164 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page