top of page

Leclerc bate mas leva pole da corrida sprint no GP do Azerbaijão

Apesar do contato na curva 5, monegasco já havia concluído a volta que lhe rendeu a primeira posição de largada na sprint race neste sábado; Pérez e Verstappen completam top 3





Com o bico danificado após uma batida na curva 5, bem no fim da classificação sprint do GP do Azerbaijão na manhã deste sábado, foi a Ferrari de Charles Leclerc que alinhou em primeiro lugar no parc fermé da sessão no Circuito de Baku. O monegasco anotou 1m41s697 na etapa para superar a RBR de Sergio Pérez e Max Verstappen, segundo e terceiro colocados, e garantir a pole position da corrida sprint do fim de semana.


O monegasco ainda contou com a sorte de um erro de Verstappen, que quase foi direto para o muro no SQ3 e terminou a sessão atrás até mesmo do colega de equipe. De igual modo, Pérez não conseguiu alcançar o tempo de volta do rival da Ferrari.


Leclerc vem em boa fase na etapa azerbaijana, apesar do começo difícil nesta temporada da F1 - ele só tem seis pontos no campeonato de pilotos, conquistados em uma única corrida (na Arábia Saudita) e já conquistou neste fim de semana sua primeira pole position - para o domingo - de 2023.


A disputa deste sábado é inédita na F1, criada para substituir excepcionalmente o segundo treino livre após mudanças nas corridas sprint; agora, o formato será independente do restante do grande prêmio e concede, apenas, pontos extras.


Assim como na classificação de domingo, realizada na sexta-feira, a Aston Martin de Fernando Alonso (oitavo) e Lance Stroll (nono) apareceu pouco. Mas se o cenário é diferente do protagonismo da equipe nas três primeiras corridas deste ano, valeu a chance de brigar por pontos extras no top 10.


As Mercedes, por outro lado, apareceram mais competitivas neste sábado do que na primeira classificação; no entanto, dessa vez foi George Russell quem ficou à frente de Lewis Hamilton.

9 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page