top of page

Jogador do Barra é expulso por agredir companheiro na semifinal contra o Criciúma

Globo Esporte



O Barra saiu vitorioso no jogo de ida das semifinais contra o Criciúma nesta quinta-feira. Contudo, para a partida de volta, o comandante Eduardo Souza viaja para o Sul do estado com uma dor de cabeça envolvendo os desfalques ocasionados pela partida.

O volante Emerson foi substituído aos 20 minutos da segunda etapa, deixando o campo de maca após sentir fortes dores. Mas o principal prejuízo foi a expulsão de Natan ao término da partida, depois do apito final, por agredir o goleiro do Barra, Ewerton.

5Na súmula do árbitro Rafael Traci, a situação descrita foi a de um soco no peito do goleiro Pescador. Na transmissão da partida não foi possível ver o momento em que o golpe foi desferido e nem mesmo informado qual o motivo.

Expulsei de maneira direta, por após o termino da partida ir em direção ao goleiro da sua própria equipe e desferir um soco com as duas mãos fechadas na altura do peito do goleiro. Informo que o goleiro em nenhum momento revidou.

A equipe de reportagem do ge entrou em contato com a assessoria do Barra FC para questionar a punição ao volante e qual o motivo do desentendimento entre os companheiros de equipe, mas até o momento não obteve resposta.

13 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page