top of page

Homem é preso suspeito de fazer vídeos de abuso sexual da filha e vendê-los por pagamentos via PIX

Suspeito forçava a filha a gravar vídeos e depois vendia imagens. Ele foi preso em flagrante pelos dois crimes.



G1-Goiás

Homem é preso suspeito de fazer vídeos pornográficos da filha, em Luziânia — Foto: Divulgação/Polícia Civil



A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de forçar a própria filha, menor de idade, a gravar vídeos e tirar fotos pornográficas, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. As imagens de abuso, segundo as investigações, eram vendidas com pagamentos via PIX.


O nome do suspeito e mais informações sobre o crime não foram divulgados pelas autoridades para não identificar e, consequentemente, não expor a vítima.


O caso foi denunciado à polícia na quinta-feira (18). Segundo as investigações, o suspeito forçava a filha a gravar os vídeos e depois os vendia pela internet com pagamentos via PIX.


Devido à gravidade da denúncia, a polícia passou a tentar localizar o homem. Foram feitas consultas a sistemas policiais e levantamento de endereços, até que o suspeito foi encontrado na manhã seguinte e preso em flagrante por policiais civis da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA).


O homem deverá responder pelos crimes de produção e venda de conteúdo pornográfico de menor de idade, previstos nos artigos 240 e 241 do Estatuto da Criança e Adolescente (ECA). Se condenado em pena máxima para ambos os crimes, poderá cumprir até 16 anos de prisão.

32 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page