top of page

Homem é preso suspeito de agredir, estuprar e prender em casa por três dias a ex-mulher

Mulher contou aos policiais que foi até a casa do ex-companheiro para buscar suas coisas e ele a trancou no local. Ela só conseguiu fugir quando prometeu a ele que reataria o relacionamento.



G1-Goiás

Homem é preso suspeito de agredir, estuprar e prender em casa por três dias a ex-mulher — Foto: Reprodução/Polícia Civil



Uma mulher foi mantida em cárcere privado por três dias pelo ex-companheiro, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Durante esse período, denuncia ter sido ameaçada, agredida e abusada sexualmente pelo homem. Ela só conseguiu fugir quando disse que ia reatar o relacionamento com ele. A Polícia Civil prendeu o homem em flagrante.


A mulher contou aos policiais que, na terça-feira (30), foi até a casa do ex-companheiro para buscar suas coisas, pois o relacionamento entre eles tinha chegado ao fim. Mas, o homem começou a bater nela e a trancou dentro da casa.


Durante o período em que ficou presa, a vítima relata ter sido ameaçada de morte, xingada e agredida continuamente. Na quarta (1º), ela afirma que o ex-companheiro ainda a forçou a manter relações sexuais com ele contra a sua vontade.


Foi somente na quinta-feira (2), que a mulher conseguiu escapar do suspeito. Segundo a polícia, ela prometeu a ele que reataria o relacionamento. Quando ele se acalmou e permitiu que ela saísse, ela foi direto até a delegacia denunciá-lo.


Diante da situação de flagrante, a equipe policial se deslocou até a casa do homem e o prendeu.

118 visualizações0 comentário

Коментарі


bottom of page