top of page

Homem é preso suspeito de abuso sexual contra enteada durante 15 anos em Goiânia

Vítima engravidou do padrasto e foi forçada a ingerir pílulas abortivas


Mais Goiás

Fachada da Delegacia Estadual de Atendimento Especializado à Mulher (Deaem), em Goiânia (Foto: Divulgação/Polícia Civil)


Um homem, de 49 anos, foi preso suspeito de abuso sexual contra a enteada durante 15 anos, nesta terça-feira (30), em Goiânia. Segundo a Polícia Civil, os abusos iniciaram quando a vítima, de 23 anos, tinha apenas oito anos. O padrasto também é acusado de obrigar a vítima a tomar remédios abortivos sob ameaças.


A Delegacia Estadual de Atendimento Especializado à Mulher (Deam) informou que a enteada engravidou do padrasto e foi forçada, por três vezes, a ingerir pílulas abortivas. Devido aos remédios, a criança nasceu prematura e ficou internada por dois meses na UTI. Hoje, tem três anos de idade.


De acordo com a polícia, a mãe da enteada foi quem denunciou o homem após descobrir os episódios de abuso em março deste ano. A mulher compareceu à delegacia e a investigação começou.


O suspeito, cuja identidade não foi revelada, confessou ser o pai da criança para os policiais e, no momento, encontra-se na unidade prisional da capital.

19 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page