top of page

Goiânia sai na frente, mas Atlético Goianiense vira, vence e abre vantagem na semifinal do Goianão

O Galo saiu na frente com dois gols de Gustavo Vintecinco, mas o rubro-negro virou com Romão, Shaylon e Luiz Fernando



Mais Goiás

Shaylon marcou o gol de empate, antes de Luiz Fernando decretar a virada do Atlético Goianiense. Foto: Ingryd Oliveira - ACG



Foi no sufoco, mas o Atlético Goianiense abriu vantagem na semifinal do Campeonato Goiano. O Dragão visitou o Goiânia, no estádio Olímpico, e venceu por 3 a 2. O Galo saiu na frente com dois gols de Gustavo Vintecinco, mas o rubro-negro virou com Romão, Shaylon e Luiz Fernando. O duelo de volta será no estádio Antônio Accioly.


O início de jogo foi para nenhum torcedor do Goiânia colocar defeito. Com seis minutos de bola rolando, o Galo Carijó abriu dois a zero no placar. Após uma roubada de bola do lado direito, cruzamento na pequena área, Gustavo Vintecinco dominou, girou em cima de Adriano Martins e mandou para o fundo da rede.


Na sequência, o Goiânia aproveitou novamente o seu centroavante. Após um cruzamento pelo lado direito, desta vez pelo alto, Gustavo Vintecinco antecipou Adriano Martins e cabeceou para o fundo da rede e deixou o lado atleticano sem entender o que estava acontecendo.


O Dragão se mandou para o campo de ataque e comandou as ações dos minutos restantes do primeiro tempo. Após escanteio cobrado por Danielzinho, Luiz Fernando desviou e Guilherme Romão mandou para o fundo da rede. Apesar do esforço, o Atlético Goianiense virou o primeiro tempo atrás no placar.


No segundo tempo, com 15 segundos o Goiânia passou perto de ampliar com uma finalização de Patrick. Depois disso, o Atlético Goianiense voltou a comandar o jogo e chegou ao empate. Guilherme Romão recebeu de Baralhas, foi derrubado na área e o pênalti foi marcado. Shaylon bateu e converteu, deixando tudo igual no placar.


O Atlético Goianiense tanto pressionou que conseguiu a virada. Em uma roubada de bola de Baralhas, o volante serviu Vagner Love, que pisou e esperou a passagem de Luiz Fernando e serviu o talismã do Dragão, que bateu na saída de Léo e marcou o seu nono gol na temporada.

21 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page