top of page

Goiás está na 3ª posição do ranking nacional de abate bovino

Levantamento reúne dados de estabelecimentos que recebem fiscalização federal, estadual e municipal


Olha Goiás

Foto: Larissa Melo


Goiás alcançou a terceira posição entre os estados que mais abatem bovinos no terceiro trimestre de 2022. De acordo com a Pesquisa Trimestral do Abate de Animais, publicada nesta quarta-feira (7) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a produção goiana somou 843,8 mil cabeças abatidas de julho a setembro deste ano. O resultado representa um aumento de 10,8% em relação ao mesmo período de 2021 e de 18,5% quando comparado ao trimestre anterior.

“É um resultado importante na medida que avançamos não apenas uma, mas duas posições no ranking nacional, deixando para trás produtores tradicionais, como Mato Grosso do Sul e Minas Gerais”, destaca o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tiago Mendonça. “Vale citar, ainda, que parte dos números para suínos, frangos e produção de ovos foi positiva, refletindo circunstâncias de mercado de cada atividade”, lembra o titular da pasta.

No caso dos suínos, Goiás ocupou a oitava posição no ranking nacional, com 506,6 mil cabeças abatidas no terceiro trimestre de 2022. Sobre o mesmo período de 2021, o aumento foi de 4,7%. Já quando comparado ao segundo trimestre deste ano, houve retração de 4,6%. No caso dos frangos, a situação se inverteu: queda na comparação com 2021 (-5,8%) e expansão em relação ao trimestre anterior (+3,1%).


De julho a setembro deste ano, foram abatidas 112,9 milhões de cabeças de frangos em Goiás. O desempenho colocou o Estado em quinto lugar no ranking de maiores produtores estaduais.

A produção de ovos de galinha cresceu em todos os aspectos. As granjas goianas registraram 54,9 milhões de dúzias de ovos produzidos no terceiro trimestre de 2022. Em relação ao mesmo período de 2021, o aumento foi de 5,2%; já levando em consideração o trimestre anterior, houve alta de 3,2%. De julho a setembro deste ano, a produção de ovos de galinha chegou ao número recorde de 1,02 bilhão de dúzias.

6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page