top of page

Goiás entra em estado de alerta com umidade abaixo de 20%, diz Cimehgo

Mais Goiás


O estado de Goiás entrou em estado de alerta após registrar umidade do ar abaixo de 20%. Segundo o Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas (Cimehgo), os índices preocupantes foram registrados nas regiões Oeste, Sudoeste e Central, na quarta-feira (12). Segundo o órgão, a situação se deve ao período de falta de chuvas que o estado enfrenta.

André Amorim, gerente do Cimehgo, informou que a expectativa é que, em agosto, a umidade do ar esteja entre 10% e 12% no território goiano.

De acordo com o Cimehgo, em razão do período de seca, o risco de incêndios é alto em todas as regiões de Goiás. Amorim explicou também que utilizar fogo para limpar pasto, terreno ou vegetação vasta não é recomendado, uma vez que destrói a fauna e a flora, além de danificar a qualidade do ar. Em alguns casos, os incêndios provocados podem causar problemas respiratórios, como asma e pneumonia.

A falta de chuva também é um fator que colabora para a proliferação de doenças relacionadas à pele. O gerente do Cimehgo orientou a hidratação, o uso de umidificador de ar em lugares menores ou até colocar uma toalha molhada na cabeceira da cama durante o tempo seco.

Segundo Amorim, é preciso ser racional em relação ao uso da água. Para ele, pequenas ações como tomar banhos mais curtos, economizar durante a higiene, não lavar a calçada com mangueiras e moderar a lavagem de carros, podem gerar um impacto positivo neste momento.

9 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page