top of page

Goiás aumenta tempo de contratação de empréstimos consignados

Prazo máximo para quitação era de 96 meses. Com nova lei, prazo passa a ser de 144 meses


Mais Goiás

Goiás aumenta tempo de contratação de empréstimos consignados (Foto: Governo de Goiás)




O governo de Goiás atualizou a lei nº 22.709 para estabelecer um prazo maior para servidores públicos estaduais quitarem empréstimos consignados contratados. O prazo aumentou de 96 meses para 144 meses.


Segundo a secretaria de Administração (Sead), são mais de 17 mil servidores com margem consignável comprometida em mais de 100% e outros 21 mil, que estão utilizando entre 80% e 100% de margem consignável com algum empréstimo. Somadas as situações, são mais de 38 mil servidores (24% do total) sem acesso ao crédito consignado.


Com a atualização, o governo passa a oferecer mais condições para que mais de 38 mil servidores, caso queiram, possam dilatar os contratos de consignados e ter acesso ao crédito em folha de pagamento, que é o mais barato disponível no mercado atualmente.


A mudança confere mais segurança às consignatárias, que, por sua vez, ofertam taxas de juros mais baixas, proporcionando aos servidores acesso ao crédito sem nenhuma burocracia.


Servidores civis e militares, ativos e inativos, e pensionistas do Poder Executivo Estadual, podem contratar o empréstimo consignado, além disso, podem contratar financiamentos, consórcios e arrendamento imobiliário. Segundo o superintendente central de gestão de pessoal, Luís Queiroz, essa alteração na lei abre novas oportunidades para os servidores públicos estaduais.


“Qualquer servidor que desejar contratar o empréstimo consignado estará assegurado pelo seu contracheque, tendo em vista que isso já vem descontado na folha de pagamento. É uma gama de condições que podem ser contratadas pelos servidores”, disse.

8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page