top of page

Giuliano vai à Justiça para cobrar R$ 1,8 milhão do Corinthians em direitos de imagem

Hoje, ele atua no Santos. O Corinthians ainda não se pronunciou sobre o caso



Notícias ao Minuto



O meio-campista Giuliano ingressou na Justiça para cobrar R$ 1,8 milhão do Corinthians. O valor é referente aos direitos de imagem do atleta. Giuliano defendeu o clube paulista entre 2021 e 2023. Hoje, ele atua no Santos. O Corinthians ainda não se pronunciou sobre o caso.


Segundo a representação do atleta, são oito parcelas que não foram pagas pelo Corinthians. O contrato do clube com o jogador previa R$ 213 mil em cada um dos pagamentos. O valor exato da cobrança enviado para o Tribunal de Justiça de São Paulo é de R$ 1.826.414,28, o que representa todas as parcelas, com correção inflacionária e juros. Na ação, não há cobrança de salários.


A ação foi distribuída ao Judiciário nesta segunda-feira, dia 11. Ela tem caráter de cobrança extrajudicial. Caso o Tribunal de Justiça acate a cobrança, será determinado o prazo de três dias para o pagamento.


Neste momento, também é feita a ordem de penhora caso a dívida não seja quitada. A representação de Giuliano cobra, neste caso, a retenção de valores do Corinthians obtidos a partir de direitos de transmissão de jogos ou exploração de placas de publicidade da Neo Química Arena.


Por meio de um embargo na Justiça, o clube pode tentar opor-se à cobrança. O Estadão procurou o Corinthians sobre o caso na Justiça, mas não obteve retorno até a publicação desta matéria. O espaço continua aberto.

6 visualizações0 comentário

Yorumlar


bottom of page