top of page

Fluminense aguarda documentos do Palmeiras para concretizar venda de Caio Paulista

Globo Esporte


O Fluminense aguarda os últimos documentos para assinar e concretizar a venda de Caio Paulista ao Palmeiras.

O lateral-esquerdo custará 3,8 milhões de dólares (cerca de R$ 18,3 milhões) ao clube alviverde. O valor é R$ 1,5 milhão a mais do que o São Paulo pagaria pelo jogador.

No contrato de empréstimo de Caio Paulista ao clube do Morumbi, a opção de compra era de 3,5 milhões de dólares (cerca de R$ 16,9 milhões). O São Paulo já havia informado o Flu que exerceria essa compra, mas nos últimos dias tudo mudou.

O Tricolor paulista não fez pagamentos necessários até o dia 15 de dezembro, data limite do acordo, e o Palmeiras entrou com força para dar o "chapéu" no rival, que não gostou da postura do empresário e do jogador e se retirou das negociações.

Um dos principais entraves entre São Paulo e Fluminense era a forma de pagamento. O clube carioca queria o que estava no contrato (à vista), enquanto o time paulista queria parcelar a compra.

Além disso, a reportagem do ge apurou que, nesse período, Caio Paulista e São Paulo também não entraram em um consenso pelo salário de 2024, e a relação entre as partes ficou estremecida.

O Palmeiras, por sua vez, ofereceu R$ 1,5 milhão a mais do que o São Paulo e acertou melhores condições salariais a Caio Paulista, que aceitou se transferir para o alviverde.

O clube alviverde se interessou por Caio Paulista pela versatilidade tática. Ele pode atuar como lateral-esquerdo e ponta, abrindo a possibilidade de fazer dobras pela esquerda do campo - assim como o técnico Abel Ferreira faz com Marcos Rocha e Mayke na direita, por exemplo.

2 visualizações0 comentário
bottom of page