top of page

Flamengo puxa o tapetinho do Botafogo e vence clássico eletrizante

De quebra, encerrou a invencibilidade do anfitrião em sua casa no Brasileirão, onde havia vencido todos os 11 jogos.


Terra



Deu Flamengo no primeiro duelo com o Botafogo no "tapetinho" do Nilton Santos. Com sorte no início e qualidade de Bruno Henrique no segundo tempo, o Rubro-Negro fez 2 a 1 no arquirrival, na noite deste sábado (02/09) e, assim, levou os três pontos. De quebra, encerrou a invencibilidade do anfitrião em sua casa no Brasileirão, onde havia vencido todos os 11 jogos.


O clássico, porém, foi muito mais do que isso. Afinal, teve várias chances claras e terminou com o Lucas Perri, goleiro alvinegro, na área do Flamengo.


E não é que o camisa 12 quase empatou nos acréscimos? Com o apito final, o time de Jorge Sampaoli chega a 39 pontos e fica a 12 de distância do Glorioso, que mantém boa manrgem na liderança. Porém, observa o Palmeiras, que pode chegar a 43, com o alerta ligado.


PRIMEIRA ETAPA ELETRIZANTE


Não deu tempo de as equipes aquecerem, e o Flamengo já abriu o placar. E que gol bizarro, aliás. O alvinegro Marlon Freitas cortou errado o cruzamento da direita de Wesley e jogou contra o patrimônio, com só um minuto de bola rolando.


Depois do susto, o Botafogo se reorganizou e passou a pressionar o arquirrival. Tentou de todos os jeitos e lados, mas foi nos pés de Victor Sá que o empate saiu. De volta após lesão, Tiquinho participou do lance e, no rebote, o camisa 7 marcou um belo gol.


A partir daí, o clássico se reequilibrou. E permaneceu aberto, intenso e eletrizante. A rapidez da grama sintética contribui com a veia ofensiva das versões atuais de Botafogo e Flamengo. Ambos os times tiveram chances, mas, nas principais delas, Fabrício Bruno salvou chute de Tiquinho em cima da linha e, logo depois, Lucas Perri, goleiro de Seleção Brasileira, espalmou chute forte de Bruno Henrique.


BRUNO HENRIQUE DECIDE


A etapa final começou da mesma forma, cheia de oportunidades de gols dos dois lados e com muita movimentação. Depois dos dez minutos, o ritmo diminuiu e as substituições começaram a acontecer. Mas foi um jogador que iniciou o clássico que resolveu a parada.


Afinal, a grande atuação de Bruno Henrique precisava ser coroada. Aos 27 minutos, o atacante limpou a jogada para o meio e bateu no ângulo do gol de Perri. Sem forças e inspiração, o Glorioso ameaçou muito pouco e perdeu pela primeira vez no "tapetinho". Logo para seu arquirrival.



149 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page