top of page

Filha é presa suspeita de maus-tratos após idosa em estado vegetativo ser encontrada em casa tomada por lixo

Vídeos feitos pelos policiais mostram que a idosa estava em estado vegetativo, em uma casa cheia de sujeira. Suspeita se apossou do cartão bancário da vítima e usava dinheiro para comprar bebidas alcóolicas.


G1-Goiás

Idosa foi encontrada em estado vegetativo em casa, em Goiânia — Foto: Divulgação/Polícia Civil



A Polícia Civil prendeu uma mulher suspeita de maltratar a mãe, de 91 anos, e explorá-la financeiramente, em Goiânia. Vídeos feitos pelos policiais mostram que a idosa estava em estado vegetativo, em uma casa cheia de sujeira. A filha, de 55 anos, foi presa em flagrante.


O caso foi descoberto na terça-feira (4), após uma denúncia anônima. Uma equipe de policiais, psicóloga e assistente social foi até a casa onde a idosa morava, no Setor Campinas, e foi recebida pela filha da mulher. Segundo o delegado Alexandre Bruno de Barros, a filha negou que houvesse algum idoso na casa.


“Com muita técnica, foi possível entrarmos na residência e constatarmos que a idosa estava acamada há dias, em estado quase que catatônico, em situação extremamente difícil, sem se alimentar, muito magra”, diz o delegado.


A polícia diz que a casa estava escura e toda fechada, impedindo a circulação do ar. A idosa parecia não se alimentar há dias, com baixo peso e em estado vegetativo completo, com lesões no corpo e sem conseguir se comunicar. Fotos mostram o ambiente bastante sujo, com restos de comida espalhados pela casa.


Diante da situação, os policiais chamaram o Corpo de Bombeiros para socorrer a idosa. Ela foi internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campinas em estado gravíssimo de desnutrição.


Segundo o delegado, além de permitir que a mãe vivesse em péssimas condições, a filha também tinha se apossado do cartão bancário da idosa. Ela usava o dinheiro para comprar bebidas alcóolicas.


A mulher foi autuada pelos crimes de exploração financeira e maus-tratos. O delegado ainda pretende ouvir testemunhas para saber se houve também crime de tortura contra a idosa.



71 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page