top of page

Ex-F2 Liam Lawson substitui Daniel Ricciardo no GP da Holanda

Australiano da AlphaTauri quebrou pulso em batida no segundo treino livre da etapa nesta sexta-feira; neozelandês de 21 anos é da Academia RBR e corre atualmente na Super Formula japonesa


Globo Esporte

Liam Lawson, que guiou carro da AlphaTauri no TL1 da F1 na Bélgica, venceu primeira corrida da F2 na etapa de Spa-Francorchamps — Foto: Peter Fox/Getty Images


A AlphaTauri confirmou que Daniel Ricciardo sofreu uma fratura no pulso esquerdo após bater no segundo treino livre do GP da Holanda, nesta sexta-feira. Com isso, o australiano vai desfalcar a equipe e será substituído por Liam Lawson, sexto substituto na F1 em quatro temporadas.


Membro da Academia de Pilotos da RBR, o neozelandês de 21 anos é egresso da Fórmula 2 e corre na Super Formula do Japão, pela qual é vice-líder. Ele é reserva da equipe austríaca desde o ano passado.


Em comunicado oficial, a AlphaTauri detalhou que Ricciardo sofreu com fratura nos ossos do metacarpo, na mão esquerda:


- Um raio-X confirmou que (Daniel Ricciardo) sofreu uma fratura no metacarpo de sua mão esquerda e essa lesão não permitirá que ele continue com suas obrigações, sendo substituído pelo piloto reserva da equipe, Liam Lawson, pelo restante deste fim de semana. A equipe deseja a Daniel uma recuperação rápida e completa - diz o informe.


Ricciardo acertou a barreira de pneus da curva 3 do Circuito de Zandvoort na sessão que, até então, estava em seus minutos iniciais; ele atingiu o trecho segundos depois de Oscar Piastri, da McLaren.


Para evitar colidir com a lateral do MCL60 de seu compatriota na perigosa "batida em T', ou ser atingido por outro carro, ele manteve as mãos no volante até o AT04 parar abruptamente. O movimento imediato do volante causou dores em Ricciardo, que se queixou do impacto pelo rádio.




4 visualizações0 comentário

Yorumlar


bottom of page