top of page

Empresário é preso suspeito de dirigir Mustang sem documento e transportar cigarros eletrônicos

Veiculo foi parado durante uma fiscalização na BR-364, em Jataí. O carro de luxo foi apreendido junto com as mercadorias.


G1-Goiás

Mustang é apreendido em Jataí — Foto: Divulgação/Polícia Federal


Um empresário foi preso suspeito de dirigir um Ford Mustang sem documentação em Jataí que fica no sudoeste de Goiás. Segundo a polícia, o carro estava com placa do Paraguai, não tinha permissão para circular no Brasil e foi apreendido. Também foram encontrados cigarros eletrônicos contrabandeados dentro do veículo.


O caso aconteceu na quarta-feira (19), durante uma fiscalização de rotina. Os cigarros que foram levados para a Polícia Federal de Jataí.


De acordo com o auditor da Receita Federal Antonio Moreira, o empresário não poderia ter entrado no Brasil, pois o veiculo não tinha nenhum controle da Receita Federal.


“O empresário não podia entrar no país como turista com o carro, pois ele tinha negócios no Brasil. Ele teria que ter feito uma admissão temporária do veiculo na Receita Federal na fronteira, assim o motorista poderia circular aqui por 90 dias”, explicou.


Pela norma do Mercosul, qualquer turista pode entrar no país de carro usando uma placa estrangeira, segundo Moreira.


“Mas isso, só é valido para os moradores que tem residência nesses países. Isso não se aplica a brasileiros que moram fora do pais e que tenham atividades aqui”, completou Moreira.

18 visualizações0 comentário
bottom of page