top of page

Em negociações na Argentina, Flamengo espera semana de definições

Globo Esporte


O Flamengo está na expectativa por uma semana de definições na Argentina. Em Buenos Aires, o vice-presidente de futebol Marcos Braz e o diretor executivo Bruno Spindel tratam principalmente da possível vinda antecipada do goleiro Rossi, do Boca Juniors. Mas mantêm o olhar aberto e avaliam investir no meia Quintero, ex-River Plate.

Nos próximos dias, a dupla rubro-negra se reunirá com o Boca e com o representante de Rossi para tentar garantir o goleiro ainda no primeiro semestre. O jogador de 27 anos está em fim de contrato com os argentinos e tem acordo com o Fla, mas teria de esperar até o meio do ano para viajar ao Rio.

A diretoria carioca está disposta a dar algum dinheiro para antecipar a chegada e tentará essa composição, apesar do jogo duro do lado xeneize. A projeção é de gastar cerca de R$ 1,5 milhão pela liberação antecipada, mas o clube não descarta esperar até julho.

Com Quintero, a situação é quase inversa. O meia de 29 anos interessa, mas Braz e Spindel ainda não se convenceram por fazer o investimento. O jogador deu respostas positivas, e o empresário diminuiu valores pedidos inicialmente no esforço de fazer negócio. O Flamengo ainda não acenou com uma proposta oficial, mas recebeu aval do técnico Vítor Pereira e sabe que o jogador quer atuar no Brasil.

Desde antes de viajar, na última sexta-feira, a dupla de dirigentes deixou claro que a prioridade era Agustín Rossi, mas esse foco não excluiria outras oportunidades de mercado. Quintero é uma delas. E pode não ser a única, já que a diretoria avalia reforçar o elenco em outras posições.

Até a primeira semana de 2023, o Fla retraiu outros movimentos no mercado para dar atenção total ao investimento milionário em Gerson. Com o Coringa contratado e já incorporado ao elenco, os rubro-negros retomam as outras frentes para fortalecer o atual campeão da Libertadores e da Copa do Brasil.

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page