top of page

Em áudio vazado, Jorge Jesus admite contato do Flamengo: "Vocês podiam esperar por mim"

Globo Esporte



Jorge Jesus admitiu ter sido procurado pelo Flamengo. Em um áudio vazado, o treinador do Fenerbahçe relatou ter conversado com o vice de futebol Marcos Braz e que agora não pode se transferir ao Rio de Janeiro. Porém, não fechou as portas para um retorno:

- Vocês podiam esperar por mim.

O ge confirmou a autenticidade da gravação, que circula nas redes sociais. Nela, o treinador deu mais detalhes do diálogo com o dirigente rubro-negro. Afirmou que não debateu valor de um eventual salário e ter ouvido que o Flamengo terá um comandante interino enquanto aguarda pela definição do seu futuro.

Bom dia, amigo. Aqui são 10h da manhã na Turquia, aí no Brasil o fuso horário é de seis horas. Eu falei com o Marcos Braz ontem várias coisas, mas nunca falei em condições financeiras com ele. Não sei por que está a passar no Brasil a dizerem que eu pedi muito dinheiro e não chegaram a acordo comigo. Não sei qual é a intenção disso, mas a verdade é que o Marcos Braz falou comigo sobre o Flamengo, se eu podia sair já. Eu disse que já não podia, tinha que me dar algum tempo. Até para eu falar aqui com o presidente. Falta um mês e meio para acabar o campeonato aqui na Turquia. Ele me disse que ia pôr um treinador interino, e eu disse: "Então, ok, vocês podiam esperar por mim". Ele disse que não podia esperar muito por mim mais que uma semana. E aqui, pronto, tudo bem. Agora não quero que as pessoas pensem que, se eu não for para o Flamengo, que foi por questões financeiras. Porque não falei nem com o Marcos Braz e já estão por aí a dizer que eu pedi mundos e fundos.

Nesta quarta-feira, o ge detalhou a tratativa entre as partes. Em fim de temporada com o Fenerbahçe, o treinador manifestou o interesse de cumprir o contrato com o time turco, mas externou o desejo de retornar ao clube assim que terminar o compromisso na Europa. Ainda sem definição, as conversas seguem.

As partes ainda não chegaram a um denominador comum em relação aos valores. Isso é fator primordial para o avanço das negociações. Atualmente, JJ e sua comissão custam 7,5 milhões de euros (R$ 40,7 milhões) anuais ao Fenerbahçe, e o valor terá que ser reduzido para que o retorno se concretize.

A diretoria rubro-negra não prometeu aguardar até junho e quer definir o próximo passo daqui a uma semana. Nesse tempo, serão avaliados o desempenho do time sob o comando do interino Mario Jorge, o planejamento para o início do Brasileiro e o restante da fase de grupos da Libertadores. A resposta contra Maringá, pela Copa do Brasil, Coritiba, pelo Brasileirão, e Ñublense, pela Libertadores, terão peso na decisão.

Além desses três jogos, que servirão de termômetro para saber se é possível ou não esperar o Mister, o Flamengo ainda terá Internacional (fora), Maringá (casa), Botafogo (casa), Racing (fora), Athletico-PR (fora), Goiás (casa), Bahia (fora), Corinthians (casa), Ñublense (fora) e Cruzeiro (casa).

São 13 jogos de ausência até o fim de maio, quando o contrato de JJ com o Fenerbahçe se encerra. O último jogo do Fener está marcado para 4 de junho, o clássico com Galatasaray. Resta saber se o título ainda estará em disputa.

Além disso, a equipe de Jorge Jesus está na semifinal da Copa da Turquia. Caso avance para a decisão, as datas ainda não estão definidas.

4 visualizações0 comentário
bottom of page