top of page

Eleição suplementar em Bom Jardim vira reedição de confronto entre partidos de Caiado e Marconi

Mais Goiás


O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil), vai cumprir agenda política neste sábado (02/12), na cidade de Bom Jardim de Goiás, que vive um fim de ano em tom de campanha eleitoral fora de época. Explica-se: no próximo domingo (03/12), os eleitores do município vão eleger o prefeito que cumprirá mandato até o final de 2024 em uma eleição suplementar.

Acontece que em outubro deste ano, os eleitos Odair do Odélio e seu vice, MAnoel Oliveira Souza foram cassados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO) após denúncia do Ministério Público Eleitoral que ambos por abuso de poder econômico. Em resumo: compra de votos nas eleições de 2020.

Caiado estará na cidade para movimentar ações em prol do candidato de sua base: o vereador e prefeito interino Willian Gregório, do União Brasil. A eleição de uma cidade interiorana ganhou ares apoteóticos após o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) emergir no cenário local e declarar apoio ao ex-prefeito Baré, do PSDB.

A previsão para início da movimentação em Bom Jardim é as 15 horas. Haverá uma carreata que contará com a presença de Caiado, da primeira-dama Gracinha Caiado e de deputados da base. Ontem (30), o deputado estadual Lucas do Vale (MDB) da base caiadista esteve somando forças à campanha de Willian. Por não ser agenda institucional, a Secretaria de Comunicação do Governo de Goiás não soube dar mais detalhes do evento.

7 visualizações0 comentário
bottom of page