top of page

Derrotada pelo Uruguai, Seleção perde invencibilidade de 37 jogos nas Eliminatórias

Última derrota do Brasil havia sido para o Chile em 2015


GE

Marquinhos em Uruguai x Brasil — Foto: Andres Cuenca/Reuters


A derrota da seleção brasileira para o Uruguai, nesta terça-feira, foi o primeiro revés do Brasil em Eliminatórias desde outubro de 2015. A invencibilidade de 37 jogos, que durou oito anos, caiu na quarta rodada desta edição da competição, em Montevidéu, no Estádio Centenário, na vitória dos uruguaios por 2 a 0.


A última vez que o Brasil havia sido derrotado foi em 8 de outubro de 2015, na abertura das Eliminatórias para a Copa do Mundo da Rússia, de 2018, para o Chile, em Santiago, também por 2 a 0. Na ocasião, Eduardo Vargas e Aléxis Sánchez marcaram para os chilenos.


A invencibilidade durou 37 jogos nas Eliminatórias - 28 vitórias e nove empates. A Seleção tinha em vigor a maior sequência da história da competição sul-americana, superando os 31 jogos invictos entre 1954 e 1993.


Esta também foi a primeira derrota para o Uruguai em 22 anos. A última vitória da Celeste em cima do Brasil havia sido em 2001, por 1 a 0.


vezes. Em três oportunidades para a Bolívia, duas para Chile, Paraguai, Argentina, Equador e, agora, Uruguai. O Brasil nunca foi derrotado pela Venezuela.


Nesta terça-feira, o Uruguai abriu o placar com Darwin Núnez, de cabeça, após jogada de Maxi Araújo, aos 42 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, aos 32, De La Cruz ampliou para a Celeste. Além da derrota, a Seleção ainda sofreu a baixa de Neymar, no primeiro tempo, que deixou o campo lesionado, chorando, com uma torção no joelho.


Na próxima data Fifa, a seleção brasileira enfrenta a Colômbia, em Barranquilla, no dia 16 de novembro, às 21h. No dia 21, recebe a Argentina, no Maracanã, às 21h30. A equipe comandada por Fernando Diniz está na terceira colocação da competição, com sete pontos em quatro rodadas.



22 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page