top of page

Cruzeiro e Atlético Mineiro começam a decisão do campeonato mineiro

O Atlético-MG recebe o Cruzeiro, neste sábado, às 16h30 (de Brasília), na Arena MRV, em Belo Horizonte, no primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro



GE




O Atlético-MG recebe o Cruzeiro, neste sábado, às 16h30 (de Brasília), na Arena MRV, em Belo Horizonte, no primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro.


O técnico argentino Gabriel Milito estreia no Atlético depois da saída de Felipão. O treinador gaúcho não resistiu à pressão pelo desempenho do Galo e atritos com a torcida e deixou o Galo na semana passada.


Por ter feito melhor campanha na primeira fase, o Cruzeiro joga por dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, para ficar com o título. O jogo deste sábado só terá a presença de torcedores atleticanos, conforme acordo prévio entre os dois clubes.


O Atlético defende o título após superar o América-MG na última fase. Em 10 jogos, o Galo venceu cinco (Democrata GV, Athletic, Itabirito, Ipatinga e América-MG), empatou dois (Tombense e América-MG), perdeu três (Patrocinense, Cruzeiro e América-MG).


O Cruzeiro chega com a melhor campanha do Mineiro. Nas semifinais, passou pelo Tombense. Em 10 jogos no Campeonato Mineiro, o time do técnico Larcamón venceu sete (Atlético-MG, Uberlândia, Tombense, Pouso Alegre, Villa Nova-MG, Democrata e Patrocinense), empatou dois (Tombense e Athletic) e perdeu apenas uma partida (América-MG).


Atlético-MG - técnico: Gabriel Milito


O técnico argentino viveu a primeira semana de Galo. Com parte dos treinos em dois períodos, mudou a formação para três zagueiros e promoveu uma alteração no meio-campo: a tendência é que Scarpa seja opção no banco de reservas, e Saravia apareça como ala pela direita.


Time provável: Everson; Bruno Fuchs, Lemos e Jemerson; Saravia, Zaracho, Battaglia, Igor Gomes e Arana; Paulinho e Hulk.



Cruzeiro - técnico: Nicolás Larcamón


O técnico argentino terá os retornos de Zé Ivaldo e Marlon para a partida, após suspensão no duelo de volta da semifinal. O lateral volta na vaga de Lucas Villalba; o zagueiro briga por posição com Neris, que tem a confiança de Larcamón.


No ataque, Dinenno, poupado das duas semifinais por controle de carga, tende a retornar na vaga de Rafael Elias. Marcelo Moreno, que treinou com o elenco e está no BID, não participará do jogo. O "Flecheiro" fará a despedida antes do clássico de volta, no Mineirão, dia 7.


Time provável: Rafael Cabral; William, Zé Ivaldo (Neris), João Marcelo e Marlon; Lucas Romero, Lucas Silva, Mateus Vital e Matheus Pereira; Arthur Gomes e Juan Dinenno.

143 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page