top of page

Criminosos matam três médicos a tiros e deixam um ferido em quiosque na Barra da Tijuca

Câmera de segurança do estabelecimento gravou toda a ação, que durou menos de 30 segundos. Três criminosos desceram de um carro e efetuaram pelo menos 20 disparos contra 4 médicos.


G1-Goiás

Diego Ralf Bomfim, Marcos de Andrade Corsato e Perseu Ribeiro Almeida — Foto: Reprodução


Imagens de câmeras de segurança de um quiosque na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, mostram o momento em que três criminosos descem de um carro na Avenida Lúcio Costa, na madrugada desta quinta-feira (5), e matam três médicos em um quiosque. Um quarto médico também foi baleado e foi levado para um hospital da região.


O vídeo mostra que, assim que o veículo encosta na pista ao lado da ciclovia, os criminosos descem, correm na direção das vítimas e efetuam pelo menos 20 disparos. De acordo com a câmera de segurança, o crime aconteceu à 0h59.


No momento em que os criminosos efetuam os disparos, dois clientes que estavam sentados em uma mesa do estabelecimento correm. A ação durou menos de 30 segundos.


Uma das vítimas, o ortopedista Diego Ralf Bomfim, que tinha 35 anos, é irmão da deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP). Ele chegou a ser levado para o Hospital Lourenço Jorge, mas não resistiu aos ferimentos.


Devido à proximidade de uma das vítimas com a parlamentar, o ministro da Justiça, Flávio Dino, determinou que a Polícia Federal acompanhe a investigação.


Os médicos estavam hospedados no Hotel Windsor, na Avenida Lúcio Costa, que sedia a partir desta quinta-feira o 6º Congresso Internacional de Cirurgia Minimamente Invasiva do Pé e Tornozelo.


Agentes do 31º BPM (Recreio dos Bandeirantes) chegaram a efetuar buscas, mas ninguém foi preso.


A Polícia Civil do RJ acredita em execução, já que nada foi levado, e os criminosos chegaram atirando. Testemunhas contaram ainda que os bandidos nada falaram.



115 visualizações0 comentário
bottom of page