top of page

Corpo de ex-militar do Exército que estava desaparecido após sair para trabalhar é encontrado; dois homens são presos

Segundo a investigação, após encontrarem o celular da vítima, que foi roubado, os policiais começaram a buscar por informações dos autores do crime. Um dos suspeitos se entregou à polícia.




G1-Goiás

Tales Alves da Pena, morto em Formosa — Foto: Divulgação/Polícia Civil



O corpo do jovem Tales Alves da Pena, que já serviu o exército e estava desaparecido, foi encontrado em Formosa, no Entorno do Distrito Federal (DF). Segundo a Polícia Civil, dois homens, suspeitos da morte do jovem, foram presos pelo crime de latrocínio em uma operação.


A prisão dos suspeitos ocorreu em dois dias diferentes, o primeiro foi preso na última quinta-feira (11). Já o segundo suspeito, que se entregou à polícia, foi preso na sexta-feira (12).


Segundo a investigação, após encontrarem o celular da vítima, que foi roubado, os policiais começaram a buscar por informações dos autores do crime. O primeiro suspeito foi preso durante diligências dos policiais, em Cristalina, também no Entorno do DF.


Após ser detido, o suspeito levou os policiais até o local onde o corpo de Tales estava enterrado. O corpo do ex-militar foi encontrado na zona rural de Formosa, próximo ao Anél Viário do município. O pai do jovem cedeu material genético para confirmar a identidade do cadáver por meio de exame de DNA.


A investigação ainda aponta que, o corpo de Tales foi queimado e enterrado. O segundo suspeito do crime, se apresentou espontaneamente na delegacia para o cumprimento do mandado de prisão provisória.


Se condenados, os suspeitos podem cumprir pena de 20 anos. Os dois seguem presos e estão à disposição do Poder Judiciário.


443 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page