top of page

Corinthians demite Mano Menezes; Márcio Zanardi é favorito

Técnico não resiste ao mau início de temporada do Timão. Atual comandante do São Bernardo surge como opção, mas regulamento diz que técnico não pode dirigir dois clubes no Paulistão




GE

Mano Menezes - Corinthians x São Paulo — Foto: Marcos Ribolli



Além do desempenho abaixo do esperado, o Corinthians sofreu a sua quarta derrota em cinco jogos na temporada. O Timão é o lanterna do Grupo C do estadual e está na zona de rebaixamento na classificação geral, ocupando a penúltima posição.


No último domingo, em entrevista após a quarta derrota seguida no Paulistão, o presidente Augusto Melo bancou a permanência de Mano.


– Ninguém está preocupado com multa, estamos preocupados com o trabalho. O Mano é o treinador do Corinthians até 2025, contrato feito. Vou estar estruturando para ele ter uma melhor condição de trabalho. Tenho minha responsabilidade como presidente. Se ele está pedindo algumas peças para poder encaixar, minha obrigação é trabalhar para isso – disse Augusto Melo.


Mano Menezes adotou tom mais cauteloso quando foi perguntado sobre a possibilidade de deixar o clube.


– Entendo a pressão, o torcedor, tudo que ele está sentido, nós estamos sentindo também. Mas o caminho é o trabalho, é árduo, vamos trabalhar até quando acharem que sou eu que tenho que conduzir o processo – disse Mano Menezes, após a derrota para o Novorizontino.


Nas últimas semanas, Mano acabou se envolvendo em polêmicas com jogadores do elenco. Os ruídos causaram insatisfação internamente pela condução do treinador nos dois casos.


1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page