top of page

Conmebol mantém pena de três jogos e Marcelo está fora das quartas de final da Libertadores

Mesmo após se defender na Comissão de Apelação da entidade, lateral teve suspensão mantida e não poderá atuar nos jogos contra o Olimpia


O Globo

Marcelo foi expulso durante o empate do Fluminense com o Argentinos Juniors, em Buenos Aires — Foto: Luis ROBAYO / AFP


A Conmebol decidiu manter a pena de três jogos de suspensão na Libertadores aplicada ao lateral esquerdo Marcelo, do Fluminense, pelo pisão que causou uma grave lesão no zagueiro Luciano Sánchez, do Argentinos Juniors. Nesta segunda-feira, o jogador apresentou sua defesa à Comissão de Apelação da entidade, o que ainda não havia sido permitido. Mesmo assim, não houve nova resolução e ele está fora dos dois jogos das quartas de final.


O clube e o jogador de 35 anos já foram comunicados. Ele cumpriu um jogo de suspensão — no duelo de volta contra a equipe argentina —, e não poderá atuar nos dois compromissos contra o Olimpia.


O jogo de ida acontece no Maracanã, nesta quinta-feira, e a volta é em Assunção, no próximo dia 31. Marcelo só voltará a jogar na Libertadores caso o Fluminense avance às semifinais, contra Internacional ou Bolívar.


O jogador argumentou com os membros da comissão que o pisão em Sánchez foi involuntário. No lance, o lateral tricolor tentou driblar o adversário, mas pisou em cima da sua perna, que dobrou num sentido não natural. Expulso, aos prantos, aceitou e saiu de campo sem reclamar.


Sánchez precisou ser retirado na maca imediatamente. Um relatório médico divulgado após a avaliação da lesão sofrida mostrou que houve uma separação entre o fêmur e a fíbula do jogador, que deve precisar de oito a dez meses para recuperação.

11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page