top of page

Chefe do tráfico do CV em Goiânia morre em confronto com a polícia

Alex Macedo Pinheiro, de 23 anos, também estava envolvido na dupla tentativa de homicídio contra uma criança de 7 anos e o pai dela, de 28 anos, em Goiânia



Jornal Opção

Alex Macedo Pinheiro, de 23 anos | Foto: reprodução/PM



Um traficante apontado como um dos chefes do tráfico de drogas na região sudeste de Goiânia, Faina e região, morreu em confronto com o Comando de Operações de Divisas (COD) na capital. Alex Macedo Pinheiro, de 23 anos, segundo a Polícia Militar (PM), pertence a facção Comando Vermelho (CV) e seria o mandante de uma série de homicídios e atentados contra rivais.


Entre os crimes que ele estaria envolvido está a dupla tentativa de homicídio ocorrida em janeiro deste ano, em Goiânia. Na ocasião, uma criança de 7 anos e o pai dela, de 28 anos, foram baleados dentro da própria casa, na Vila Maria Luísa. A criança foi atingida em uma das pernas, enquanto que o pai alvejado com dois disparos. O crime foi motivado pela disputa pelo tráfico de drogas na cidade e é comentado pelo faccionado em conversas. 


A corporação chegou até o Alex nesta quinta-feira, 22, após a prisão de um membro da mesma facção no último dia 10, em Faina. Mesmo com a prisão do criminoso, as equipes foram informadas de que o comércio de entorpecentes continuava a acontecer nas regiões dominadas pelo CV.


O COD, então, conseguiu identificar o endereço no Residencial Buena Vista, onde Alex estaria escondido e comandando o tráfico. A equipe se  deslocou até a residência, momento em que o faccionado fugiu para dentro da casa ao avistar a corporação.


Ao realizar a progressão tática no imóvel, Alex iniciou um tiroteio e acabou sendo baleado.

O COD acionou o socorro médico, mas o faccionado não resistiu  aos ferimentos e morreu no local. O jovem, que já tinha passagens por tráfico de drogas, associação criminosa, roubo a mão armada e latrocínio, estava em posse de um revólver e sete quilos de maconha.


Um traficante apontado como um dos chefes do tráfico de drogas na região sudeste de Goiânia, Faina e região, morreu em confronto com o Comando de Operações de Divisas (COD) na capital. Alex Macedo Pinheiro, de 23 anos, segundo a Polícia Militar (PM), pertence a facção Comando Vermelho (CV) e seria o mandante de uma série de homicídios e atentados contra rivais.


Outros atentados 


Em áudios divulgados pela corporação, Alex diz que planeja realizar novos atentados contra “inimigos” e familiares de outros faccionados. Conforme a conversa, ele só estaria esperando os policiais ‘darem uma folga” nas cidades de Faina e Goiânia para “mandar os seus meninos”.


“Nós mandou matar um safado ali e acertou tiro até em quem não devia. Imagina esses indivíduos que fica dando banho nos outros aí”, afirmou Alex se referindo a dupla tentativa de homicídio que o pai e o filho, em Goiânia. 


“Só to esperando os polícia dá uma folga pros meus menino descer ai e estourar a cara deles. Não sou trouxa de mandar meus meninos do jeito que tá o Faina ai não, para eles irem presos e eu perder meus trens. Tenho medo da polícia não, se eu tivesse medo não tinha entrado pro crime nem trocado tiro com eles. Fui preso trocando tiro em 2019, até passei na televisão”, concluiu.

21 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page