top of page

CAS define tribunal e Gabigol, do Flamengo, aguarda decisão do pedido de efeito suspensivo

Expectativa é que decisão ocorra até o início de maio; defesa está confiante que o atacante terá condições de jogo




GE

Gabigol no Maracanã antes de Flamengo x Madureira — Foto: Thiago Ribeiro/AGIF



Gabigol, do Flamengo, está mais perto de saber a decisão do pedido do efeito suspensivo após a suspensão de dois anos por tentativa de fraude do exame antidoping. A Corte Arbitral do Esporte (CAS) definiu o tribunal arbitral que julgará o pedido do atacante para ter condições de jogo.


O julgamento no tribunal suíço funciona da seguinte forma: três árbitros participam do julgamento da peça: um indicado pela defesa de Gabigol, outro indicado pela ABCD (Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem) e outro pelo CAS, que é considerado o presidente da mesa.


No dia 02 de abril, a defesa de Gabriel enviou a documentação necessária para abrir o pedido de efeito suspensivo. Neste documento foi indicado um árbitro inglês para compor a mesa. No dia 16, a ABCD (Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem) enviou a sua parte da documentação e indicou um árbitro alemão. Nesta terça-feira, o CAS indicou o seu representante.


Com o tribunal arbitral já constituído, o julgamento do efeito suspensivo pode acontecer a qualquer momento. Não haverá data marcada e as partes serão notificadas de forma oficial pela secretaria do tribunal. A decisão sairá de uma reunião com os três árbitros, que votarão para saber se Gabigol poderá voltar a jogar enquanto aguarda o julgamento final do recurso. A defesa está confiante no processo e trabalha com a previsão projetada desde o início: fim do mês de abril e início de maio.


Todo o processo no CAS gera um custo judicial, que deve ser dividido entre as partes. Na última semana, a defesa de Gabigol foi notificada que a ABCD (Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem) não havia pago a sua parte das custas judiciais. Para não atrasar o processo, o atacante pagou o que restava.


No dia 25 de fevereiro, o Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem (TJD-AD) decidiu suspender Gabigol até 7 de abril de 2025, por tentativa de fraude de exame antidoping feito em 8 de abril de 2023.

6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page