top of page

Brasileiros estão novamente fora da lista de autorização de saída da Faixa de Gaza

571 estrangeiros recebem permissão para deixar Gaza, mas nenhum brasileiro está entre os contemplados


Olha Goiás

Foto: Abed Rahim Khatib/Agência Anadolu via Getty Images


Na mais recente divulgação, realizada nesta sexta-feira (3), uma lista contendo 571 estrangeiros autorizados a deixar a Faixa de Gaza foi tornada pública, porém nenhum cidadão brasileiro está entre os nomes. Dos beneficiados, 367 são dos Estados Unidos e 127 são do Reino Unido. A relação inclui ainda pessoas provenientes da Alemanha, Itália, Indonésia e México, conforme reportado pela Representação do Brasil em Ramala, situada na Cisjordânia.


Na lista anterior, revelada na quinta-feira (2), dos 576 estrangeiros permitidos a sair de Gaza, 400 eram estadunidenses. Além disso, havia indivíduos do Azerbaijão, Barhein, Bélgica, Coreia do Sul, Croácia, Grécia, Holanda, Hungria, Itália, Macedônia, México, Suíça, Sri Lanka e Tchade.

O Ministro das Relações Exteriores do Brasil, Mauro Vieira, manteve uma conversa na quinta-feira com o chanceler do Egito, Sameh Shoukry, reafirmando o pedido para que os brasileiros retidos na Faixa de Gaza possam atravessar a fronteira de Rafah.


Atualmente, 34 brasileiros estão abrigados nas cidades de Khan Younes e Rafah, próximas à fronteira com o Egito. Segundo informações do Itamaraty, um plano de resgate está pronto e inclui suporte desde a saída de Gaza, com equipes, ônibus, medicamentos e alimentação, até o embarque no Aeroporto do Cairo, onde uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) aguarda.

A primeira relação de estrangeiros autorizados a deixar o enclave palestino, alvo dos ataques de Israel, foi disponibilizada na quarta-feira (1º). Até o momento, uma média de 500 indivíduos de diversas nacionalidades estão recebendo autorização para sair da área de conflito. O Itamaraty informou estar na expectativa de que, em breve, os brasileiros sejam incluídos na lista para deixar a região.


1 visualização0 comentário

Comentarios


bottom of page