top of page

Botafogo pede à CBF que Raphael Claus não apite clássico com o Flamengo; Abrafut rebate

Abrafut rebate em defesa dos associados


GE

John Textor reclama de Raphael Claus — Foto: Reprodução



O Botafogo solicitou à CBF que o árbitro Raphael Claus não seja o responsável por comandar a partida contra o Flamengo, no próximo domingo, às 11h, pelo Campeonato Brasileiro. A partida será realizada no Maracanã e terá transmissão do Premiere.


Foi feita também a solicitação para que ele fique de fora das escalas do Glorioso enquanto correr a CPI da Manipulação de Jogos e Apostas Esportivas.


No documento, o clube destacou que o anúncio de que Claus seria o responsável pela partida foi feito durante o depoimento de Textor. O americano mencionou supostos equívocos cometidos pelo árbitro Raphael Claus e pela árbitra de vídeo Daiane Muniz.


- O árbitro em questão não goza da necessária independência e imparcialidade – nem da confiança do público e demais atores envolvidos, incluindo o próprio CR Flamengo – para arbitrar partidas da SAF Botafogo, pelo menos não enquanto as investigações da CPI não forem concluídas - escreveu


Após a divulgação do ofício, a Associação de Árbitros de Futebol do Brasil (Abrafut) divulgou uma nota oficial rebatendo a postura da direção alvinegra no caso.


- O citado diretor permanece manipulando os amantes do futebol e as pessoas que trabalham nele, utilizando a imprensa para reiterar frases de efeito, colocando em xeque a todo momento a idoneidade das pessoas que trabalham de maneira honesta e honrada no futebol - escreveu a associação.



3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page