top of page

Avô é preso suspeito de estuprar a neta e ameaçar matar os pais da vítima caso ela o denunciasse

Segundo relato da menina de 9 anos à polícia, os abusos teriam começado há dois anos. Crimes aconteciam quando a vítima ia passar as férias na fazenda em que os avós moravam.



G1-Goiás

Avô é preso suspeito de estuprar a neta e ameaçar matar os pais da vítima caso ela o denunciasse — Foto: Divulgação/Polícia Civil



Um homem de 41 anos foi preso suspeito de ter estuprado a própria neta em Amorinópolis, na região oeste de Goiás. A prisão foi feita depois de a vítima, de 9 anos, relatar os abusos para a mãe e narrar que o suspeito fazia ameaças dizendo que, se ela contasse algo para alguém, ele iria matar os pais dela.


Após a denúncia, a polícia iniciou a investigação e encaminhou a vítima para o Instituto Médico Legal (IML), onde foi submetida ao exame de corpo de delito que constatou um antiga ruptura do hímen. O resultado do exame condiz com o relato da vítima, que contou que os abusos começaram quando ela tinha 7 anos de idade.


O delegado Ramon Queiroz, responsável pelo caso, explicou que o homem é casado com a avó da menina e que os abusos aconteciam durante as férias escolares, quando a vítima ia para a fazenda, onde o suspeito morava e trabalhava, na zona rural de Amorinópolis.


Diante disso, o suspeito foi preso na segunda-feira (6), com o cumprimento do mandado de prisão preventiva. O delegado informou ainda que a pena pelo crime do qual o avô é suspeito pode ser mais de 10 anos de prisão.


O advogado que acompanhou o suspeito na sede policial informou que, nesse momento, é muito precoce divulgar tese ou manifestação sobre o caso, já que as únicas provas que se tem até o momento, foram realizadas de forma forma unilateral, sem que haja a manifestação da defesa. Segundo o delegado Ramon, o suspeito ficou em silêncio durante o momento da prisão.



91 visualizações0 comentário

Kommentarer


bottom of page