top of page

atriz ainda não foi identificado e polícia não recebeu nenhuma pista sobre ele, diz delegado

Kamylla Cristina Rosa de Oliveira, de 22 anos, foi atropelada quandi parou às margens da GO-217 para arrumar a roda do carro. Polícia aguarda perícias que podem ajudar a identificar o motorista.




G1-Goiás

Atriz e modelo morre atropelada em rodovia de Goiás — Foto: Reprodução/Redes Sociais e Polícia Militar



Após mais de duas semanas, o motorista que atropelou e matou a atriz e modelo Kamylla Cristina Rosa de Oliveira, de 22 anos, não foi identificado, afirma a Polícia Civil (PC). Segundo o delegado Leylton Barros, até o momento, a investigação não recebeu nenhuma pista que ajude a identificá-lo.


O acidente aconteceu no último dia 13 de fevereiro, na GO-217, em Piracanjuba, no sul goiano. Segundo a Polícia Militar (PM), o acidente aconteceu quando Kamylla parou às margens da rodovia para arrumar a roda do carro enquanto retornava de Caldas Novas para Goiânia com duas amigas.


O delegado contou que o local onde o atropelamento aconteceu dificulta a identificação do motorista. “É um local onde não tinha sinal de celular e, embora tenha sido em um dia de bastante movimento na rodovia, não vinha ninguém logo atrás”, disse Barros.


O investigador disse ainda que, por ser uma rodovia, não tem câmeras de segurança e estava no início da noite. “Estava quase escurecendo e a visibilidade bastante comprometida”, explicou. Apesar de ter ouvido as amigas que estavam no carro, o delegado disse que elas estavam muito abaladas.


Barros afirmou que aguarda os resultados de perícias para confirmar indícios que podem ajudar a identificar o motorista. “Essas respostas podem ajudar a chegar no suspeito. Após os resultados delas, vamos decidir que rumo tomar", finalizou o delegado.

4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page