top of page

Athletico joga bem e vence o Flamengo em confronto direto do Brasileirão

Globo Esporte


Em confronto direto, o Athletico venceu o Flamengo por 3 a 0 na noite desta quarta-feira, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica-ES, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. Cacá, Alex Santana Vitor Bueno fizeram os gols do Furacão.

O time atleticano vinha de três empates seguidos, sendo dois em casa, e ganhou após um mês. O último triunfo tinha acontecido contra o Cuiabá, em casa.

Com a vitória, o Athletico pulou provisoriamente para a sexta colocação, com 37 pontos - o Bragantino, com 36, recebe o Grêmio na quinta. Já o Fla é o quarto colocado, com 39 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que faz o clássico contra o Vasco, no sábado.

Além disso, o clube agora aumentou a série invicta na Série A para nove jogos, com quatro vitórias e cinco igualdades. A última derrota foi para o Fortaleza, fora de casa, em 9 de julho.

O primeiro tempo começou com boa chance de Gabigol, que finalizou de direita dentro da área e parou em Léo Linck. Após a pressão inicial, o Athletico levou perigo em vacilos do Flamengo no campo de defesa.

Primeiro, Matheus Cunha falhou, e Vitor Bueno chutou em cima da zaga rubro-negra. Na sequência, David Luiz errou na saída de bola, e Cuello desperdiçou oportunidade cara a cara com o goleiro.

O gol do Furacão veio de uma jogada de escanteio curto. Vitor Bueno finalizou de fora da área, a bola desviou em Pedro, e Matheus Cunha deu rebote para Cacá mandar para as redes. O time atleticano poderia ter ampliado com Madson, que finalizou mal de carrinho em cima de cunha. A resposta flamenguista veio em cabeçada de Léo Pereira, que Madson salvou em cima da linha.

Atrás no placar, o Flamengo não levou muito perigo ao gol do Athletico no início da segunda etapa. Aos 20 minutos, Gabigol foi expulso por uma braçada em Cuello e complicou ainda mais o cenário.

Léo Linck fez boa defesa em chute de Pedro, e o Furacão ampliou a vantagem ao natural. Alex Santana bateu colocado no canto direito de Cunha e, nos acréscimos, Rômulo foi derrubado por Everton Ribeiro na área. Vitor Bueno, que fez grande partida, cobrou a penalidade e deu números finais à partida.

163 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page